Daniel Alves fala pela primeira vez após deixar a prisão

Placar 88

1337864827-afp2024032534ma4k6v11highresspainbrazilfootballjusticeassault-aspect-ratio-512-320-2
Condenado por estupro, o brasileiro falou, em entrevista ao jornal espanhol “El Periódico”, sobre o período em que esteve preso na Espanha

Em liberdade provisória depois de ser condenado por estupro na Espanha, o ex-jogador brasileiro Daniel Alves disse estar “tranquilo” e que não tem mais muito o que a fazer a não ser comparecer à Justiça às sextas-feiras para mostrar que não deixou a cidade de Barcelona, de acordo com uma reportagem do jornal espanhol “El Periódico”, publicada nesta sexta-feira.

Ainda de acordo com a reportagem publicada, Daniel Alves afirmou que o “jogo” que ele precisa disputar está nos tribunais, e que ele não tem ideia de quanto tempo pode durar essa partida, pois há muitos recursos apresentados por todas as partes (o Ministério Público, a acusação e a defesa).

Na sequência da entrevista, o brasileiro disse que agora sua única obrigação é ir ao tribunal semanalmente.

“É isso o que me cabe. Eu também não tenho muito mais para fazer”, disse Daniel Alves.

Daniel Alves também falou de como foi o tempo em que esteve preso. Segundo o relato da reportagem, o brasileiro está mais abatido e magro do que antes da prisão, mas o ex-jogador afirma que se adapta a qualquer lugar.

“Onde quer que eu vá, sobrevivo. Eu me adapto a tudo, porque para mim não é o lugar que faz a pessoa, e sim a pessoa que faz o lugar”, disse.

A entrevista ao jornal espanhol foi dada em um restaurante de Barcelona, enquanto Daniel Alves almoçava com um amigo, de acordo com o jornal.

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão por estupro, em Barcelona. Ele deixou o Centro Penitenciário Brians 2 no dia 25 de março, com o pagamento de uma fiança de 1 milhão de euros (R$ 5,4 milhões). Ele passou 14 meses em prisão preventiva.

Fotos: GOOGLE
Fonte: GE
0%