Americana confirma segunda morte por dengue em 2024

Jornal da Notícia

3

A Prefeitura de Americana (SP) confirmou nesta quinta-feira (25) a segunda morte por dengue na cidade em 2024. Segundo informações da Secretaria Municipal da Saúde, a vítima era uma mulher de 76 anos que tinha comorbidades.

Segunda Morte Por Dengue em Americana

A paciente, que morava no bairro conserva, estava internada em um hospital privado e morreu no dia 2 de abril. A pasta detalhou que ela tinha doenças autoimune e pulmonar. Um exame emitido pelo Instituto Adolfo Lutz testou positivo para o sorotipo 1.

Com a confirmação, o total de óbitos por dengue na área de cobertura do g1 Campinas neste ano chegou a 27. Também nesta semana, Campinas confirmou 3 novas mortes por dengue, com isso, o total na metrópole totaliza 14. Veja os números por cidade:

Campinas: 14 mortes

Santo Antônio de Posse: 4 mortes

Espírito Santo do Pinhal: 4 mortes

Americana: 2 mortes

Jaguariúna: 1 morte

Águas de Lindóia: 1 morte

Louveira: 1 morte

A região de Piracicaba (SP), que também faz parte da área de cobertura da EPTV, contabiliza 12 mortes por dengue em 2024. Veja óbitos por cidade:

Piracicaba: 5 mortes

Limeira: 4 mortes

Capivari: 2 mortes

Santa Bárbara D’Oeste: 1 morte

A dengue causa febre alta e repentina, dores no corpo, manchas vermelhas na pele, vômito e diarreia, resultando em desidratação.

Mesmo que o cenário geral indique que a dengue, em maioria, não evolui para a forma grave, especialistas pedem que os moradores não banalizem os sintomas e procurem ajuda médica diante dos menores sinais.

Veja algumas das medidas de prevenção:

utilize telas de proteção com buracos de, no máximo, 1,5 milímetros nas janelas de casa;

deixe as portas e janelas fechadas, principalmente nos períodos do nascer e do pôr do sol;

mantenha o terreno limpo e livre de materiais ou entulhos que possam ser criadouros;

tampe os tonéis e caixas d’água;

mantenha as calhas limpas;

deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;

mantenha lixeiras bem tampadas;

deixe ralos limpos e com aplicação de tela;

limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia;

limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;

limpe todos os acessórios de decoração que ficam fora de casa e evite o acúmulo de água em pneus e calhas;

coloque repelentes elétricos próximos às janelas (o uso é contraindicado para pessoas alérgicas);

velas ou difusores de essência de citronela também podem ser usados;

evite produtos de higiene com perfume porque podem atrair insetos;

retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa.

Fonte: G1

0%