Pedrinho, da música ‘Acorda, Pedrinho’, morre aos 65 anos

Entretenimento

1_pedrinho-33704230
Pedrinho ganhou repercussão nacional após a banda curitibana cantar a história do senhor que tinha o hábito de frequentar o bar Dionísio

Pedro Domingos do Prado, conhecido como Pedrinho, morreu aos 65 anos, na noite desta segunda-feira (25/12), em Curitiba. O homem inspirou a banda Jovem Dionísio a criar a música Acorda, Pedrinho, um dos hits mais ouvidos de 2022. Pedro foi encontrado morto no hotel onde morava. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Pedrinho ganhou repercussão nacional após a banda curitibana cantar a história do senhor que tinha o hábito de frequentar o bar Dionísio, e que costuma cochilar na mesa, ao tomar algumas cervejas. O chamado a acordar, entoada nos versos, tem a ver com a hora em que ele deve entrar na disputa do principal atrativo do Dionísio: o campeonato de sinuca.

Pelas redes sociais, a banda Jovem Dionísio lamentou a morte de Pedro. “Com imensa tristeza em nossos corações que hoje nos despedimos do nosso grande amigo Pedrinho. O maior motivo por nós amarmos tanto o bar do Dionísio é pelas amizades que fizemos lá dentro. Ganhamos diversos amigos de todos os tipos. cada pessoa com suas particularidades e histórias únicas. Mas sempre com uma coisa em comum: carinho. Pedrinho com toda certeza foi o canalizador de todo esse carinho que o bar oferece”, escreveu a banda.

“Qualquer pessoa que pisou lá dentro e conversou um pouco com ele sabe disso. as diversas histórias que já ouvimos (e as que ainda não ouvimos) confirmam o tamanho da falta que ele fará pra todos nós. Nunca esqueceremos o quão importante ele foi. Obrigado, Pedrinho, cantaremos seu nome com todo o carinho que você nos deu. Um dia a gente se encontra pra terminar aquela partida de sinuca”, acrescentou a Jovem Dionísio.

O sepultamento de Pedro está previsto para às 16h desta terça-feira (26/12), no Complexo Cerimonial de Pinhais.

0%