Ditador norte-coreano envia desertores ao Sul para instalações nucleares, diz jornal

Entretenimento

13-04-17_lincoln-secco_kim-jong-un
‘Enviam para morrer’, diz mulher que conseguiu escapar à Coreia do Sul

Kim Jong-un, ditador da Coreia do Norte, está enviando cidadãos do país que tentam fugir ao vizinho do Sul para trabalhos forçados perto de usinas nucleares de “alto risco” como forma de punição, de acordo com o jornal sul-coreano “Korea Herald”.

A fonte foi uma norte-coreana que conseguiu fugir de Pyongyang em 2019.

“Os níveis de radiação nesses locais são tão prejudiciais que ninguém quer ir para lá. Assim, autoridades estão enviando prisioneiros para lá para morrer”, declarou ela, que está na faixa dos 40 anos.

A norte-coreana contou ter decidido deixar o seu país depois de saber que as autoridades iriam enviá-la e aos seus filhos para trabalhar em instalações nucleares devido à deserção do seu marido.

Em novembro, foi noticiado que foi encontrada uma pista secreta que ligava o maior campo de concentração do país ao local de testes de bomba nuclear em Punggye-ri.

Fotos: Page Not Found
Fonte: Page Not Found
0%