Santos anuncia a contratação do técnico Fábio Carille

Placar 88

agif22021318031514
Treinador já participa de planejamento do futebol para o ano que vem

Santos anunciou nesta terça-feira a contratação do técnico Fábio Carille. Através de uma rede social, o presidente Marcelo Teixeira confirmou a chegada do treinador.

– Demos início à reconstrução do Santos: @fabiocarille será nosso comandante no caminho de volta às conquistas e dias de alegria, a partir do começo de 2024.

– Em sua segunda passagem pelo Santos e com um ótimo histórico, Carille chega com a função de rever e redefinir o elenco dentro das novas normas e diretrizes que estamos implantando. O Santos grande de novo – disse o presidente do Peixe.

Aos 50 anos, o treinador, que estava no V-Varen Nagasaki, do Japão, desde 2022, volta ao Peixe para a sua segunda passagem pelo clube: ele dirigiu a equipe da Vila Belmiro de setembro de 2021 a fevereiro de 2022.

No fim da manhã, Carille esteve no CT Rei Pelé, onde se reuniu com a diretoria santista. Ele assinou contrato que será válido por uma temporada, com a opção de renovação por mais um ano.

Rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro, enxugando a folha salarial, reformulando o elenco e em grave crise financeira, o Peixe não tem dinheiro em caixa neste momento. Carille é visto com o perfil ideal para esse processo de reformulação.

Ao longo da temporada 2023, o Santos teve quatro treinadores: Odair Hellmann, Paulo Turra, Diego Aguirre e o interino Marcelo Fernandes.

Odair Hellmann foi o único que conseguiu trabalhar por um semestre inteiro no Peixe. Desde a saída de Jorge Sampaoli, que conduziu o Santos ao vice-campeonato do Brasileirão de 2019, o clube não tem conseguido regularidade com um treinador.

Dos últimos nove treinadores do Santos, desde 2021, Fábio Carille foi o que teve o melhor desempenho no comando do clube: 27 jogos, nove vitórias, 10 empates e oito derrotas, com 46% de aproveitamento.

Carille teve a primeira experiência como treinador no Corinthians. Foi campeão brasileiro (2017) e tricampeão paulista (2017, 2019 e 2019).

Após passagens por times da Arábia Saudita, assumiu o Santos pela primeira vez onde ficou entre 2021 e 2022. Passou rapidamente pelo Athletico-PR antes de aceitar o convite para comandar o V-Varen Nagasaki, do Japão, onde estava até retornar ao Peixe.

Fotos: Ettore Chiereguini/AGIF
Fonte: GE
0%