Rodrigo Caetano negocia detalhes com a CBF

Placar 88

Rodrigo-Caetano
Dirigente é cotado para assumir cargo de diretor de Seleções

Cotado para assumir o cargo de direção na seleção brasileira, o diretor de futebol do Atlético-MG, Rodrigo Caetano negocia com a CBF detalhes da proposta para chegar a um acordo. A expectativa é que haja evolução nas conversas.

Caetano estava presente na Arena MRV nesse domingo com a delegação do Galo na vitória por 4 a 0 em cima do Democrata. Segundo a Rádio Itatiaia, ele viajou ao Rio de Janeiro após a partida para ter uma conversa formal com o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Dorival Júnior, atual treinador da seleção brasileira, é velho conhecido de Rodrigo, já que trabalharam juntos em outras oportunidades. O treinador é um dos apoiadores do nome de Caetano para função de dirigente na CBF.

Em entrevista ao ge na semana passada, Rodrigo Caetano disse que ainda não havia recebido convite oficial da CBF. Segundo o dirigente, é um sonho servir a Seleção.

– Se você for ver um atleta, ele sonha ser convocado. Um treinador não é contratado, ele é convocado. Por que, na minha profissão, não é? Você só é convocado se a avaliação de quem convoca é que você está entre os melhores da sua função. Isso vale para o lateral-direito, atacante, treinador e acho que, também, para o executivo. É realmente um cargo que não é mais um trabalho, você está representando o seu país, a possibilidade de ir para uma Copa.

– Não recebi convite oficial, pelo menos ainda. Ter o nome lembrado mostra que esses 20 anos foram bem avaliados. Na maioria das vezes, ninguém chega em um posto tão importante tão rápido. Às vezes acontece, mas não é o meu caso. (…). Eu não posso afirmar que vou declinar de um convite que ainda não tive. Prefiro falar do Galo, que hoje é a minha seleção, o clube que trabalho, o clube que aprendi a gostar.

Fotos: GOOGLE
Fonte: GE
0%