Nadal sente dores no quadril e coloca o Australian Open em dúvida

Placar 88

gettyimages-1457278537-594x594_crop1674144503082.jpg_242310155
Ex-número 1 do mundo tem incômodo na região de lesão que o afastou do tênis por quase um ano e não confirma participação no Grand Slam de Melbourne: “Não tenho 100% de certeza”

Em seu primeiro torneio depois de quase um ano afastado do tênis para se recuperar de uma cirurgia no quadril, Rafael Nadal voltou a sentir dores nesta sexta-feira. O ex-número 1 do mundo chegou a pedir atendimento médico durante a derrota diante do australiano Jordan Thompson pelas quartas de final do ATP 250 de Brisbane. O espanhol acredita que o problema não vai tirá-lo de quadra por muito tempo novamente, mas colocou em dúvida a participação no Australian Open.

– Preciso ver como vou acordar amanhã. Espero que não seja grave e que eu possa ter a chance de treinar na próxima semana e jogar em Melbourne. Honestamente, não tenho 100% de certeza de nada agora. Tenho falado com muita cautela porque sei que depois de um ano (parado) é difícil para o corpo jogar torneios no mais alto nível. Quando as coisas ficam mais difíceis, você não sabe como seu corpo vai reagir – disse Nadal, em entrevista coletiva.

Depois de duas vitórias na chave de simples e uma derrota nas duplas em Brisbane, o espanhol encontrou no duelo com Thompson o primeiro grande teste para seu corpo. Ele teve três match points, mas viu o australiano virar um jogo de 3h26min.

– Espero que seja só o músculo sobrecarregado depois de alguns dias de esforço e de uma partida muito dura. Isso seria o ideal, algo que sabemos que pode não acontecer. É por isso que falo o tempo todo que meu objetivo é tentar ser competitivo daqui a alguns meses. Não vim aqui para ganhar torneios agora, mas para tentar voltar e fazer isso de uma forma positiva. Vou fazer alguns exames nos próximos dias – disse o ex-número 1 do mundo.

Nadal acredita que o problema é diferente do que o tirou de quadra por quase um ano.

– É um local muito parecido, mas são situações diferentes. Senti mais os músculos cansados. Antes foi o tendão. Com certeza não é igual ao ano passado, porque quando aconteceu em 2023 senti algo drástico imediatamente. O único problema é que o lugar é o mesmo e você fica um pouco mais assustado que o normal – disse o espanhol.

Atualmente ocupando a 672ª posição no ranking da ATP por causa do período afastado, Nadal tenta ficar pronto para o Australian Open. O ex-número 1 do mundo vai entrar na chave principal do Grand Slam de Melbourne como convidado do torneio.

Fotos: GOOGLE
Fonte: GE
0%